Cuidados básicos com a pele durante o verão

cuidados com a pele durante o verão

O verão é a estação considerada a mais alegre do ano. Por estar próxima do período de férias escolares e com o clima apropriado para aproveitar a natureza e atividades ao ar livre, a temporada é perfeita para viajar. Porém, as altas temperaturas e a forte incidência solar revelam um perigo iminente e muito comum, os problemas dermatológicos.

Durante os meses mais quentes do ano, muitas pessoas aproveitam o bom tempo para caminhar, andar de bicicleta e praticar inúmeros hábitos saudáveis que expõem, constantemente, a pele ao sol. Com isso, o tecido cutâneo tende a ficar mais ressecado, facilitando o surgimento de problemas como o envelhecimento precoce, desidratação, queimaduras e o mais temido de todos, o câncer de pele. Segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA), essa derivação representa 30% de todos os tumores malignos registrados no país.

A Dra. Beatriz Borges, membro da equipe médica da At Home alerta para os cuidados com o Câncer de Pele. “A principal prevenção é a fotoproteção, já que a exposição solar é o principal fator de risco. Ou seja, devemos fazer uso constante do protetor solar. Pacientes com diagnóstico de Câncer de Pele deverão submeter-se ao tratamento adequado com Dermatologista, além de redobrar os cuidados diários com o sol.”

Outros dois grandes problemas cutâneos que afligem muitas pessoas são as alergias e micoses. Com o calor, praias e piscinas são excelentes distrações, porém, passar muito tempo com a roupa de banho úmida no corpo facilita a proliferação de bactérias. A umidade, também provoca o surgimento de fungos, extremamente tóxicos e prejudiciais à saúde humana.

“Vale destacar que no verão ocorrem muitos excessos relacionados à exposição solar e alguns descuidos por parte das pessoas. Entre eles, estão as queimaduras solares que, em geral, são de leves a moderadas, inclusive com formação de bolhas. As dermatites, ocasionadas pela reação às substâncias encontradas nas frutas cítricas, como limão e laranja, em contato com a pele, são muito comuns. As micoses também aparecem bastante, desde o conhecido pano branco, às micoses entre os dedos dos pés, virilha, debaixo da prega da mama até o abdome”, destaca a Dra. Claudia Lino Moraes, médica dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Principais formas de tratamento

Deixar de aproveitar a temporada não é uma opção, mas, tomar alguns cuidados básicos para evitar possíveis doenças de pele é primordial. O protetor é muito importante e deve estar sempre ao alcance. Regiões mais expostas como rosto, orelhas, nariz, braços e colo devem estar sempre com uma boa camada de filtro solar. O dermatologista deve ser consultado para indicar o nível exato de fator de proteção para cada tipo de pele.

Acessórios como óculos de sol, bonés e chapéus são excelentes aliados contra os perigosos raios UVA e UVB. Os olhos e o couro cabeludo são sensíveis, e precisam se manter cobertos. A depilação, prática muito utilizada durante o verão, deve ser evitada para aqueles que pretendem tomar sol. A pele fica mais sensível após o procedimento, aumentando os riscos de irritações e alergias.

“Usar roupas leves, evitar banhos demorados, quentes e com uso de sabonete em excesso, ficar em ambientes mais arejados e usar protetor solar de qualidade é muito eficaz. É necessário ter atenção quanto ao horário da exposição ao sol. Evite-o das 10h às 16h. Outra dica importante é não ficar o dia inteiro com roupa molhada e não passar longos períodos exposto ao sol. Lembrem-se, o protetor deve ser reaplicado a cada duas horas”, alerta Dra. Claudia.

A desidratação é muito perigosa e nociva para o tecido cutâneo. Cremes hidratantes e a constante ingestão de líquidos ajudam a evitar o ressecamento e a sensação de “pele rachada”. O dermatologista é o profissional especializado adequado para solucionar tais problemas. Dessa maneira, será possível cuidar do corpo sem deixar de aproveitar o que o verão tem de melhor para oferecer.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *